Vídeo mostra abordagem da GCM a veículo em fuga em Itapira

Publicidade - Anuncie aqui também!
Publicidade - Anuncie aqui

Um vídeo que mostra uma abordagem arriscada da equipe C da GCM (Guarda Civil Municipal) de Itapira a um veículo que tinha ao volante um motorista embriagado foi divulgado nas redes sociais.

O caso aconteceu na noite do último sábado (2) e para conter o indivíduo foi necessário até mesmo efetuar disparo antimotim. Segundo apurado junto à GCM, o VW/Gol foi avistado inicialmente na Rua Marechal Hermes da Fonseca, na Vila Izaura.

Na viatura estavam os guardas Massari, Alessandro e Dorta, que deram sinal de parada. Porém, o motorista, que tinha outros três ocupantes do carro, empreendeu fuga em alta velocidade pela Avenida Comendador Virgolino de Oliveira, sentido à região central.

Foi solicitado apoio de outras viaturas e uma delas quase foi atingida pelo veículo em fuga ao tentar bloquear a via. Segundo a GCM, começava aí uma sequência de manobras arriscadas e infrações de trânsito – inclusive com passagem por semáforos fechados.

O motorista em fuga, inclusive, quase capotou o carro que dirigia ao fazer uma curva em alta velocidade. Percebendo o grau de risco a outros motoristas, a GCM optou por interromper o acompanhamento.

Momentos depois, contudo, outra viatura da equipe novamente cruzou com o Gol, desta vez na região da Vila Penha do Rio do Peixe, próximo à Pista de Skate. Outra vez o motorista empreendeu fuga.

De acordo com a GCM, os próprios passageiros do carro estavam desesperados e pediam para que o condutor parasse o veículo, o que não era atendido. Um deles chegou a puxar o freio de mão do carro.

Quando tentava seguir sentido ao Penhão, o motorista se viu cercado por várias viaturas da GCM, compostas pelos guardas Alex, Zacarias, Neto e Paulo. Neste momento, o condutor tentou evitar a abordagem e engatou marcha à ré – mesmo com a presença de uma viatura atrás, cujo motorista também precisou realizar a manobra para não ter o veículo atingido.

Foi neste momento em que um disparo antimotim, não letal, foi realizado contra o veículo, resultando enfim na abordagem dos ocupantes. Segundo a GCM, na Delegacia de Polícia os passageiros disseram que não concordavam com a fuga, mas que o condutor estava fora de si, completamente transtornado.

O motorista foi autuado por embriaguez ao volante e direção perigosa. Os demais ocupantes foram qualificados como testemunhas. Todos foram liberados após prestarem depoimento. O veículo estava com a documentação atrasada e acabou apreendido e o motorista também não tinha habilitação.