Publicidade - Anuncie aqui também!
Publicidade - Anuncie aqui

O Centro de Controle de Zoonoses do município paulista de Vinhedo tem uma boa novidade. Os animais da cidade que participam das campanhas de vacinação estão passando por um novo censo e a identificação feita pelo aplicativo CrowdPet, desenvolvido pela SciPet, uma das empresas-filhas da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp).

O objetivo é manter um cadastro atualizado para o controle da população de animais perdidos e abandonados nas ruas através do aplicativo para smartphones. Ele utiliza métodos de Visão Computacional e Inteligência Artificial na identificação de animais e está sendo desenvolvido com o apoio do Programa Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas (PIPE) da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp).

“O aplicativo estabelece a correspondência entre as duas imagens por meio de métodos computacionais de reconhecimento visual e faz o rastreamento por geolocalização do local onde foi feita a foto do animal perdido”, esclarece Fabio Rogério Piva, CEO da empresa e doutor em Ciência da Computação pela Unicamp. O CrowdPet foi concebido para cruzar duas fontes de dados: as fotos dos animais perdidos cadastradas por seus donos e fotos de animais avistados nas ruas por voluntários.