Visitação dos museus foi diretamente afetada pela pandemia (Divulgação)

Os números de visitas aos museus itapirenses despencaram em razão das regras de isolamento social e restrições impostas pela pandemia de coronavírus.

A redução superou a marca de 80% na somatória dos dados de visitação do Museu de História Natural, Museu Histórico e Pedagógico e Casa Menotti Del Picchia – rede que mais recentemente foi acrescida pelo novo Museu do Esporte.

Em 2019, os três espaços – História Natural, Pedagógico e Casa Menotti – receberam um total de 11.412 visitantes. Já em 2020, esse número caiu para apenas 2.169 visitas, mesmo com a abertura de um novo espaço, o Museu do Esporte.

Os dados são do levantamento feito pelo Ibram (Instituto Brasileiro de Museus), obtidos junto aos museus por meio do chamado FVA (Formulário de Visitação Anual).

As informações são consideradas estratégicas para o desenvolvimento do setor museológico, norteando ações e metas estabelecidas em políticas públicas, como o Plano Nacional de Cultura e o Plano Nacional Setorial de Museus.

“Além de aferir o fluxo de visitação, a contagem de público pode indicar a necessidade de adequação dos serviços oferecidos e a ampliação da ação educativa nos museus”, destaca nota da Prefeitura.

Em todo o país foram 25.528.284 visitantes que compareceram aos 820 museus inseridos na contagem de público. “Os dados nacionais ainda não foram todos computados, mas assim como os museus de Itapira, o impacto da pandemia influenciou negativamente o setor cultural”, frisa a administração.

Todas as informações sobre os museus de Itapira podem ser encontradas no site www.museusitapira.com.br.

Publicidade - Anuncie aqui